ATENÇÃO PARA SPOILERS A SEGUIR

Quatro semanas depois de vermos o marido de Maggie, Glenn, ser brutalmente morto por Negan no episódio de estreia da sétima temporada de The Walking Dead, finalmente ficamos sabendo do paradeiro da viúva, interpretada por Lauren Cohan. A estratégia de The Walking Dead de se focar em uma comunidade por episódio agora que os sobreviventes estão divididos está funcionando de um ponto de vista artístico – ao invés de uma narrativa dividida, vemos em profundidade o que cada um deles está passando.

No caso de Maggie, ela ainda está grávida, e o Dr. Carson a diz que é mais seguro que ela permaneça em Hilltop até o parto. Sasha está por lá com Maggie, e as duas tem uma cena tocante nas sepulturas de Glenn e Abraham, onde Maggie deixa o relógio de bolso de Hershel na sepultura de seu marido. Gregory aparece para estragar a cena, como ele costuma fazer, exigindo que as duas saiam de Hilltop até a manhã, mesmo que Jesus tente convencê-lo a deixá-las ficar – parece que as sobreviventes de The Walking Dead tem um caminho longo e perigoso pela frente.


Após nos conectarmos com a dor de Maggie por ter perdido o marido, podemos ver que Sasha também está sentindo a perda de Abraham. Em uma conversa com Jesus, ele dá a ela um colar que havia achado no corpo de Abraham, e explica que o costume de Hilltop de queimar ao invés de enterrar os mortos é para que os vivos possam “continuar em frente”. Jesus encontra um lugar para Maggie e Sasha passarem a noite, e Sasha diz para a amiga que Gregory não pode obrigá-las a ir embora – mal sabem elas que a noite em questão será atribulada.

Fartura de zumbis

Enquanto isso, em Alexandria, Enid quer ir atrás de Maggie em Hilltop, enquanto Rick e Michonne estão fora em suas caçadas por comida. Carl acaba decidindo ir com ela, após salvá-la de um zumbi à beira da estrada atropelando-o com um carro – o jovem filho de Rick tem um plano ousado: ele quer matar Negan, e conta que olhou diretamente para o vilão enquanto ele matava Glenn e Abraham, a fim de se lembrar daquilo quando conseguir exterminá-lo.

Os problemas em Hilltop são bem maiores: alguém abriu os portões da comunidade e colocou um carro trancado por dentro para tocar música alta para atraí-los. Os zumbis chegam aos montes, e Maggie e Sasha se juntam aos membros da comunidade para exterminá-los. Maggie tem a ideia de ouro, como ela costuma ter em The Walking Dead, e passa por cima do carro com um trator, fazendo a música parar – para os fãs que estavam procurando por mais ação com zumbis nessa temporada, “Go Getters” (7×05) é um prato cheio.

Pouco depois disso, quem chega são os Salvadores, liderados por Simon. Gregory, que continuava tentando expulsar Sasha e Maggie, diz para Jesus escondê-las para que todos saiam dessa vivos, mas pode ser que não seja tão fácil assim. Simon conta para Gregory sobre o grupo de Salvadores que Rick e companhia mataram às ordens de Gregory, mas o líder de Hilltop finge não saber do que ele está falando. Os novos vilões de The Walking Dead humilham Gregory como Negan humilhou Rick no episódio passado, fazendo com que ele se ajoelhe frente a eles.

Perto demais

Enquanto isso, Carl e Enid estão chegando perto de Hilltop quando veem a picape dos Salvadores indo embora e se escondem. Carl quer segui-los até o Santuário ao invés de continuar com Enid até Hilltop, e os dois adolescentes dividem um beijo meio desajeitado antes de se separarem – como os fãs dos quadrinhos de The Walking Dead sabem, Carl e Negan tem um relacionamento complicado, e é possível que a série esteja caminhando para desenvolver esse mesmo relacionamento entre eles na TV.

Em Hilltop, Gregory confessa que pensou em entregar Maggie e Sasha para os Salvadores, mas Jesus as escondeu em um lugar diferente do combinado. Gregory, como o líder covarde que os fãs de The Walking Dead sabem que ele sempre foi, quer continuar a servir os Salvadores, mas nem Jesus nem Maggie aceitam isso. Maggie dá um murro em Gregory e pega de volta o relógio de Glenn, que havia sido roubado por ele.

No final do episódio, mais algumas surpresas: Enid chega em Hilltop e tem um momento tocante com Maggie e Sasha em que as três relembram os homens mortos por Negan (parece que aquela baboseira de The Walking Dead fugir de seus personagens expressando luto não vale mais); e após Jesus tentar se esconder no veículo que os Salvadores levarão para o Santuário, ele descobre que Carl já está lá também, com o mesmo objetivo que ele.

The Walking Dead, "Go-Getters" (7x05)
The Walking Dead, “Go-Getters” (7×05)