The Walking Dead

A oitava temporada de The Walking Dead teve um finale diferente do que a série costuma ter. Os arcos foram praticamente todos fechados, e nenhum grande gancho ficou para a próxima temporada. Mas houveram pistas deixadas para os fãs ficarem com um gostinho de quero mais.

Crítica | The Walking Dead – 8ª temporada

Confira o que podemos ver depois do salto temporal que teremos entre as duas temporadas, segundo o season finale deste domingo (15).


Pista nº 1 – Rick, o Pacifista | Rick tem ficado cada vez mais durão durante a série. A ótima atuação de Andrew Lincoln deixa isso bem claro. Até sua voz endureceu. Mas pela perda de Carl, Rick nitidamente não estava pronto. Nessa finale, um Rick que vinha tomando ações cada vez mais obscuras, desde que seus amigos Abraham e Glenn foram mortos por Negan, resolveu mudar o rumo das coisas graças ao último esforço de seu filho, Carl. Alexandria, Hilltop, o Reino, Oceanside e aqueles que se renderam do grupo dos Salvadores viverão uma utopia comandada por Rick, que não quer ver mais sangue ser derramado. Ele deixou bem claro que quem não seguir esses passos, não terá espaço no grupo e sofrerá as consequências. Então podemos esperar que Rick siga o caminho indicado por Carl, não só para honrar a memória de seu filho, mas para jogar na cara de Negan. Ou pelo menso, é isso que Rick vai tentar fazer.

Pista nº 2 – Os Sussurradores | Pouco antes de grande guerra, Rick e seus aliados param para olhar um grupo de caminhantes, e se espantam com o seu tamanho, e faz o líder exclamar que os “rebanhos” estão crescendo. Olhando o contexto e o cenário de onde isso veio, podemos imaginar que isso possa ter sido uma referência há algo que eles ainda podem encontrar. Nas HQs, depois de Negan o grande problema enfrentado pelo grupo de Rick são os Sussurradores, um grupo que se disfarça como os caminhantes para atacar de surpresa. Diversas vezes os fãs se perguntaram se não tinham acabado de ver os Sussurradores na tela e, dessa vez, eles podem ter visto mesmo.

Pista nº 3 – Maggie VS Rick | Rick realmente acha que tudo está acertado e que seu sonho utópico pode funcionar. Mas Carl convenceu apenas ele, e não Maggie, a viúva que viu seu marido, Glenn, ser morto por Negan. Maggie chega a falar com Jesus que eles devem esperar o momento certo. Ela não concorda com a decisão tomada por Rick de poupar Negan, e isso deve escalar em algum conflito entre os dois, isso se a atriz Lauren Cohan voltar a série, pois ela está exigindo um salário melhor, já que sua personagem é tão importante quanto os personagens masculinos, mas ela ganha menos do que os homens.

Pista nº 4 – Negan, o Prisioneiro | A decisão de Rick nos faz pensar que Negan terá o mesmo destino que ele encontra nas HQ’s, tornando-se apenas um prisioneiro. Acontece que nas HQ’s, Negan acaba tendo conversas com Carl durante esse tempo. Infelizmente, a série resolveu se livrar de Carl, então essa opção está descartada. Enquanto Negan pode acabar criando alguma relação com outro personagem, é de se imaginar que seja com Rick e que este acabe lhe dando confiança em algum momento. Sabemos que haverá um salto temporal, sabemos que Carl pediu que Rick desse atenção e passeios com sua irmã e, vemos Rick andando com sua filha, assim como Carl pediu, e encontrando um Negan mudado. Claro que isso não necessariamente foi um flashfoward, mas tudo está rumando para isso. Talvez Negan tenha conseguido convencer Rick que está do seu lado, apenas para traí-lo mais tarde.

Pista nº 5 – Eugene, o Herói | Depois de passar 22 episódios do lado de Negan, Eugene finalmente deixou de lado a lógica e seu instinto de sobrevivência para ajudar o lado de Rick na guerra contra Negan. Depois de sabotar os Salvadores, Rosita o salvou de sofrer retaliação, e aparentemente ele está de volta ao grupo. Com sua inteligência, se o personagem resolver tomar atitudes corajosas, podemos esperar muito dele para a nona temporada.

Pista nº 6 – Dwight, o Exilado | Depois de trair Negan, e tentar ajudar Rick a vencer a guerra, Dwight foi expulso por Daryl, que o avisou para nunca mais aparecer por lá. O personagem ganhou também o final de seua rco ao encontrar a carta de sua esposa, mas seu futuro em The Walking Dead pode estar longe de acabar. Sabemos que os grupos que se unirão a Rick não são os únicos que estão por aí, e nem os únicos que sabem da existência deles, logo podemos ver Dwight entrar em um deles ou, o que seria ainda melhor, um Dwight andarilho, agindo por conta própria. Poderia esse ser o início de uma história na 9ª temporada que daria início a mais um spin-off?

Pista nº 7 – Anne | Jadis se revelou com outra identidade nesse finale. Anne, como ela alega ser seu nome para Morgan, não é uma personagem das HQ’s, por isso seu futuro é incerto. Ainda assim, muitos acham que ela pode se tornar a líder dos Sussurradores. Pouco se sabe sobre a personagem, mas o final dessa temporada pode ter mostrado que a personagem está aí para ficar. Assim como Dwight, seu ciclo foi completo, mas um novo arco deve nascer para personagem, ou não teríamos ouvido falar dela no episódio final.

Pista nº 8 – Henry como um novo Carl | Os fãs deveriam ter desconfiado. Carl já vinha tendo seu lugar usurpado por Henry, que teve um arco semelhante ao passado do filho de Rick nessa temporada. Embora o salto temporal deva trazer um ator mais velho para o papel, muito do que Henry passou o leva para um antigo Carl, e este pode assumir seu papel como o confessante de Negan. As portas estão abertas agora que o vilão está na prisão.

Pista nº 9 – A Comunidade | Essa com certeza é a pista mais relevante de todas. Sabemos que Hilltop irá usar a dicas dadas pela misteriosa comunidade. O salto temporal provavelmente servirá para mostrar que a utopia foi atingida, e que o favor pelas informações cedidas vão ser cobrados. Ainda, há a possibilidade dessa Comunidade estar ligada ao misterioso helicóptero, que reapareceu para Jadis/Anne, mas ou não a viu, ou a deixou para trás.