Muitas coisas inspiraram a franquia Brinquedo Assassino, criada por Don Mancini, mas nada inspira mais essa saga de terror do que as histórias de bonecos amaldiçoados. O mais famoso deles foi Robert, um boneco que teria supostamente assombrado Key West, Florida, por mais de um século.

Em um artigo, o Grunge contou a história de Robert, o boneco que inspirou Chucky, o Brinquedo Assassino.

O nascimento de Robert

O boneco Robert era propriedade de Robert Eugene Otto, um artista eccentrico que gostava de ser chamado por seu apelido, Gene Otto. Otto era de uma família, tendo vivido a maior parte de sua vida na mansão Artist House – que hoje se tornou um hotel. Foi lá onde ele viveu – e morreu – durante a maior parte de sua vida ao lado de Robert, o boneco que inspirou a criação de Chucky.


Robert era um boneco único, sendo um modelo totalmente original e nunca fabricado por outra pessoa, que era do tamanho de uma criança humana – assim como Chucky – e usava as próprias roupas da infância de Gene Otto – ou pelo menos é o que dizem os rumores. Dizem que Gene e Robert eram inseparáveis quando o primeiro era uma criança. Os dois passavam dias juntos e Gene levava seu bizarro boneco para todo lugar.

A maldição de Robert

Quando se tornou um adulto, Gene se casou com uma mulher chamada Anne e se mudou para a Artist House, levando consigo seu velho boneco. Lá, Anne passava grande parte dos seus dias no mesmo quarto em que Robert, o Chucky da vida real, ficava guardado. Porém, depois que Gene morreu, visitantes passaram a notar algo estranho em Robert…

Vizinhos que passavam em frente a Artist House afirmaram diversas vezes que haviam visto Robert indo de uma janela do cômodo para outra. Depois que Anne morreu e a casa foi comprada por Myrtle Reuter, que colocou o assustador boneco no sótão.

De acordo com os rumores da época, em diversas vezes, ouviam-se passos no sótão em que o boneco ficava, além de algumas risadas ocasionais. Outras lendas afirmam que o boneco também era capaz de mudar de expressão de acordo com o assunto que estava sendo discutido no ambiente em que ele estava – fontes afirmaram que ele ficava com uma expressão raivosa quando falavam mal de Gene.

Depois de anos em posse do boneco, Myrtle Reuter se cansou das histórias amaldiçoadas e acabou doando ele para o Fort East Martello Museum em 1994.

Robert a celebridade

Atualmente, Robert é exibido no Fort East Martello Museum dentro de uma redoma de vidro. O boneco, que inspirou Chucky, é objeto de teorias até hoje, já que diversos visitantes relatam que foram amaldiçoados por ele e que acabaram sofrendo consequências depois – como acidentes de carro.

O sucesso de Robert não para por aqui. Em 2016, a história do boneco foi adaptada em A Maldição do Boneco Robert, que acabou virando uma série de filmes. É claro que, como toda adaptação, a série de filmes não é exatamente fiel a história real do boneco, mudando e acrescentando muita coisa que simplesmente não existiu.

De qualquer forma, Robert é um dos bonecos amaldiçoados mais famosos do mundo. Sua história inspirou diversas franquias de terror, como Brinquedo Assassino e Annabelle. Nunca saberemos se a lenda em torno do boneco é verdade, mas no fim ele entrega tudo o que precisamos, que são boas histórias.

O reboot de Brinquedo Assassino está em exibição nos cinemas brasileiros.