Com o fracasso quase completo de seu universo compartilhado, a DC decidiu investir em filmes mais autorais e isolados, como Aquaman, Shazam! e Coringa.

O Batman de Ben Affleck, que era utilizado como a sustentação desse universo, foi substituído pelo Batman de Robert Pattinson – que ainda nem estreou. No fim, a DC mudou sua estratégia, mas uma personagem em específica acabou sendo um sucesso apesar de tudo.

A Arlequina (Margot Robbie) introduzida em Esquadrão Suicida (2016) fez bastante sucesso entre o público, apesar do grande fracasso do filme. A força da personagem fez com que a DC passasse a investir mais nela, e o que se vê hoje é um cenário de filmes futuros que dependem muito da Arlequina para funcionar.


Na prática, a Arlequina se transformou no que o Batman representava para a DC.

O CBR falou sobre como a Arlequina substituiu o Batman no papel de personagem mais importante da DC nos cinemas.

Arlequina é a base do Universo Estendido DC

Com Aves de Rapina e o reboot do Esquadrão Suicida chegando, a Arlequina terá um destaque nunca antes visto dentro do universo DC.

Geralmente uma mera coadjuvante do Coringa, a Arlequina será agora a protagonista de dois filmes da DC, o que leva ela ao patamar de grandes personagens da franquia, como Batman, Superman e Mulher-Maravilha. Para se ter uma ideia, nem o Superman de Henry Cavill teve tanto destaque assim.

O carisma da personagem – e de Margot Robbie – juntamente com as falhas dos outros filmes e heróis da DC, fizeram com que a Arlequina se tornasse uma alternativa interessante para a franquia, que pode explorar outros gêneros e formas que não são tão convencionais nos filmes de super-herói.

No novo Esquadrão Suicida, que contará com direção de James Gunn (Guardiões da Galáxia), poucos personagens do primeiro filme vão retornar, o que coloca Arlequina em uma forte posição de protagonismo.

Já Aves de Rapina, que contará com um grupo de super-heroínas, já é idealizado com Arlequina como protagonista. Enquanto o Batman de Robert Pattinson não estreia, tudo indica que Arlequina é quem vai mesmo comandar a franquia em sua nova etapa.

Você conferiu TUDO o que a DC Universe anunciou na San Diego Comic Con? Até mesmo o trailer CHEIO de palavrões de Arlequina? Veja como Brooklyn Nine-Nine foi oficializado no universo da DC graças ao Batman, a teoria de que Aqualad estará morto em Titãs e muito mais no Observatório de Séries.

Aves de Rapina (e a Fantabulosa Emancipação de Uma Certa Arlequina) tem estreia prevista para 7 de fevereiro de 2020.

O novo Esquadrão Suicida chega em 6 de agosto de 2021.