Voldemort, o vilão principal de Harry Potter, é um ícone da cultura pop, tendo marcado a infância e a adolescência de diversos fãs por todo o mundo. Um dos aspectos mais memoráveis de Voldermort é sua aparência bizarra, que em alguns momentos lembra uma figura alienígena e em outros lembra um ser reptiliano.

Afinal, por que Voldemort tem essa aparência bizarra? Seria uma consequência de sua maldade? Seria por conta do seu envolvimento com magia das trevas? Em um artigo, o Looper explicou porque o vilão de Harry Potter tem um rosto tão desfigurado.

A origem de Voldemort

Apesar de Voldermort ter sido introduzido como um ser desfigurado durante os eventos de Harry Potter, é importante lembrar que ele nem sempre foi assim. Na verdade, em sua juventude, o jovem Voldemort era bem bonito.


Voldermort nasceu bem parecido com seu pai, Tom Riddle, um Trouxa que acabou caindo nas graças da bruxa Merope Gaunt, mãe de Voldemort. Obecada pela beleza do homem, Merope o enfeitiçou para que ele se apaixonasse por ela, o que acabou gerando uma criança que ela nomeou de Tom Riddle Jr., que se tornou o Voldemort que conhecemos.

Curiosamente, enquanto Tom era um belo homem de uma família de Trouxas, Merope era uma bruxa conhecida por sua péssima aparência, certamente causada pelas relações incestuosas que permeavam as famílias bruxas puro-sangue do universo Harry Potter.

O jovem e belo Tom Riddle

No fim das contas, as preces da mãe de Voldemort foram atendidas e ele nasceu bem parecido com seu pai, se tornando um belo jovem em sua adolescência. Crescendo em um orfanato e bem longe do mundo mágico de Harry Potter, Tom Riddle Jr. aprendeu a usar seu charme desde cedo, utilizando-o para manipular as pessoas para que elas realizem seus desejos.

É dito durante os livros e filmes de Harry Potter que o jovem Voldemort era extremamente sedutor, tanto por sua bela aparência quanto por seu carisma natural, que conquistava os professores e alunos de Hogwarts facilmente.

Mas por que Voldemort perdeu essa boa aparência, já que ela o ajudava tanto socialmente? A verdade é que ao longo dos anos, Voldemort percebeu que não precisava mais manter as aparências para conquistar seus objetivos.

Voldemort, o bruxo das trevas

No fim, a explicação para a transformação da aparência de Voldemort está nos livros. À medida em que ele foi explorando e se aprofundando em magias das trevas, sua aparência foi mudando gradualmente, levando-o a ter uma aparência cada vez mais animalesca e menos humana.

Sua relação com serpentes, presente desde a sua juventude, aliada à experimentos sombrios, como a criação das Horcruxes e a aliança com Lobisomens e Gigantes, acabou deteriorando a aparência de Voldemort, que se corrompeu totalmente por conta desse aprofundamento com criaturas e feitiços das trevas.

O próprio Harry Potter observa isso em uma de suas visitas à Penseira nos livros, vendo que Voldermort, “apresentava traços queimados e borrados, cerosos e estranhamente distorcidos, o seus olhos brancos agora tinham uma aparência sangrenta e seu rosto era palido como a neve”.

Portanto, é seguro afirmar que os experimentos com magia das trevas são o motivo pelo qual o rosto de Voldemort acabou desfigurado. Mas por que ele faria isso? Bem, várias evidências na história indicam que Voldemort desprezava seu pai – que não era um bruxo – o que pode justificar seu desejo em se tornar cada vez mais diferente dele.

Além disso, à medida em que foi se tornando mais poderoso e destrutivo, Voldemort já não precisava mais manter sua bela aparência. No fim, seu poder era tamanho que qualquer vestígio de humanidade poderia ser eliminado sem grandes traumas.