Desde o lançamento de Vingadores: Ultimato, fãs da Marvel não pararam de criar teorias sobre as entrelinhas do longa. Alguns interpretam o filme de maneiras realmente bizarras e inusitadas e outros de formas criativas e originais.

Uma dessas teorias ganhou uma explicação pelo site Screen Rant nesta semana. Segundo a suposição, a morte de Tony Stark em Vingadores: Ultimato foi causada por erros expressos dos heróis, e poderia ter sido evitada de alguma forma.

Confira abaixo tudo sobre a teoria!


Viagens no tempo nas HQs

Nas HQs da Marvel, viagens no tempo não são particularmente incomuns. No entanto, segundo o Screen Rant, roteiristas começaram a brincar demais com o conceito, e como resultado surgiram diversos erros de continuidade.

Como resposta, o editor chefe Mark Gruenwald estabeleceu regras oficiais para a viagem no tempo nas HQs da Marvel. Segundo o editor, quando um personagem viaja ao passado ou ao futuro, ele não se move exatamente no tempo, mas é transportado para alguma das realidades alternativas no Multiverso.

A realidade é idêntica àquela do período de tempo escolhido, o que faz o viajante acreditar que realmente esta no passado ou futuro. No entanto, qualquer mudança realizada afeta apenas essa linha do tempo, e não a realidade original.

Isso significa que um personagem não pode mudar o próprio passado por viagens no tempo. O Quarteto Fantástico aprende isso da pior forma em Marvel Two-In-One (1979), na qual modificações no passado do Coisa influenciam toda uma realidade paralela.

As Joias do Infinito (nas HQs)

Segundo o Screen Rant, a viagem no tempo de Vingadores: Ultimato nunca funcionaria nas HQs da Marvel.

Usando como base a HQ Quarteto Fantástico #571, o site explica o motivo.

Nessa HQ específica, Reed Richards conhece o “Conselho Interdimensional dos Reeds”, uma organização criada por versões de si mesmo espalhadas pelo Multiverso. Os 3 Reeds que fundaram o grupo possuem as Manoplas do Infinito de suas realidades respectivas. O Reed “original” pergunta por que eles não usam as Manoplas para resolver qualquer problema, e a resposta surpreende: as Joias do Infinito só funcionam em suas realidades originais.

Em outras palavras, quando uma Manopla deixa o universo que originou suas Joias, ela para de funcionar até retornar à realidade original.

Em Vingadores: Ultimato, os heróis conseguem as joias de 4 linhas do tempo diferentes, o que as deixaria completamente incompatíveis.

A morte do Homem de Ferro

A teoria também explica por que os efeitos da Manopla foram tão brutais em Hulk e Tony Stark.

Guerra Infinita e Ultimato confirmam que as Joias do Infinito possuem uma enorme quantidade de poder, e que por isso apenas os seres mais poderosos conseguem usá-las.

Essa já é uma grande diferença das HQs, nas quais heróis e vilões já usaram a Manopla sem grandes efeitos colaterais.

Como a Manopla utilizada em Ultimato é basicamente uma versão improvisada com o poder de Joias do Infinito de realidades diferentes, não é de se espantar que a energia recebida por Tony Stark e Bruce Banner seja extrema.

Isso explica o que aconteceu com o braço do Hulk na primeira utilização da Manopla. E finalmente a morte de Tony Stark no segundo uso.

A Marvel Studios está DESTRUINDO a Marvel Televison! E esses8 heróis da Marvel tem os mesmos poderes que heróis da DC! Saiba quais heróis da Marvel o Asa Noturna derrota ou não! O maior fracasso do MCU vai ganhar reboot e já temos detalhes! Foi confirmado que na Disney+ terão séries dos X-Men, do Homem-Aranha e do Quarteto Fantástico! Tudo isso você encontra no Observatório de Séries!