O lançamento do Disney+ deveria ter sido a maior notícia de cultura pop da semana, mas a HBO Max roubou a cena anunciando que uma possível reunião de Friends está sendo trabalhada no serviço.

Com a chegada de diversos serviços de streaming, o cenário está posto para que o Disney+ e a HBO Max – donos da Marvel e da DC, respectivamente – briguem entre si.

O anúncio do retorno de Friends, feito às pressas e sem uma confirmação totalmente concreta do conteúdo, só mostra como tudo não passou de uma estratégia da Warner Media para ofuscar o lançamento do Disney+.


Como afirmou o ScreenRant em um artigo, tudo isso não passa de uma manobra de poder, algo que deve se intensificar agora que a chamada “Guerra dos Streamings” começou.

O retorno de Friends não será tão grandioso

O anúncio do retorno de Friends nem teve tanta substância como os fãs esperavam. De acordo com a imprensa, o episódio novo, que será disponibilizado na HBO Max, sequer será roteirizado.

Ou seja, a ideia é apenas reunir o elenco principal de Friends em uma produção para atrair a atenção para a HBO Max.

No fim, o objetivo é gerar engajamento e interesse por um produto que ainda nem estreou. Utilizar Friends é uma forma da Warner/HBO mostrar que eles têm uma grande propriedade em suas mãos para competir com a Netflix e o Disney+.

Agora, a tendência é que os serviços de streaming joguem baixo e continuem fazendo anúncios desse tipo nos próximos meses, tudo com o objetivo de atrair assinantes.