A “guerra dos streamings” que promete colocar a Netflix na parede nos próximos meses, só está se insensificando. Depois do HBO Max e do Disney+, chegou a hora do Peacock, serviço de streaming do NBC e da Universal, mostrar suas garras e se estabelecer como concorrência para a Netflix.

Com a confirmação do nome e da data de lançamento do serviço, que estreia em abril de 2020, também vem a confirmação de que a Netflix vai perder diversas séries de seu catálogo, especialmente nos EUA.

O CinemaBlend falou sobre as grandes perdas que a Netflix vai sofrer nos próximos anos.


Grandes sucessos estão de saída da Netflix

Além de Friends, que sairá da Netflix nos EUA para integrar o catálogo do HBO Max, a Netflix também perderá The Office, que será incluída no Peacock a partir de 2021. Só com isso, a Netflix já perde duas de suas maiores audiências.

Outras séries, como Raymond e Companhia e Um Maluco na TV / 30 Rock, também deixarão a Netflix dos EUA para integrar o Peacock. É bom lembrar que não é só a Netflix que perde com a chegada do novo serviço de streaming do NBC, já que Downton Abbey – hoje na Amazon Prime – e Brooklyn Nine-Nine – que nos EUA está no Hulu – também serão integrados ao Peacock.

Com a perda dos gigantes Friends e The Office, a Netflix será obrigada a investir em programação original, já que ela não poderá mais se sustentar em cima de produções antigas.

Mesmo assim, medidas preventivas e provisórias estão sendo tomadas, como por exemplo o acordo em que a Netflix chegou essa semana, adquirindo os direitos de transmissão de Seinfeld a partir de 2021.

A “nova Game of Thrones” é da Netflix! Netflix e Nickelodeon firmam acordo para produzir novos programas! Netflix revela o verdadeiro motivo de não liberar sua audiência! Netflix perdeu mais uma? Como fica a distribuição de Rick and Morty? Você conhece o verdadeiro motivo pelo sucesso de Elite, La Casa de Papel e Vis a Vis? A Netflix tem culpa? Entenda a polêmica de 13 Reasons Why! Saiba quantos usuários do streaming compartilham suas senhas e entenda porque a Netflix pode começar a ter propagandas em breve no Observatório de Séries.

Ainda não sabemos onde tudo isso vai dar, mas a briga entre HBO Max, Netflix, Disney+, Peacock, Hulu, Amazon Prime e todas as outras plataformas pelo mercado de streamings só está começando.