Dentre os filmes que chegam na Netflix em dezembro está Esquadrão 6, nova produção de ação dirigida por Michael Bay (Transformers) com os roteiristas de Deadpool, Paul Wernick e Rhett Reese, e o próprio Deadpool, Ryan Reynolds, como protagonista.

Com total controle criativo sobre a produção, Michael Bay transformou Esquadrão 6 no filme, “mais Michael Bay de todos”, ou seja, espere por explosões o tempo todo.

Mas será que vale a pena ver Esquadrão 6 na Netflix? O Digital Spy respondeu essa pergunta.


Vale a pena ver Esquadrão 6?

Depende do tanto que você gosta de Michael Bay – ou não.

Esquadrão 6 conta a história de um time de agentes internacionais – incluindo um agente da CIA, um médico e um mercenário, que são recrutados por um milionário da área da tecnologia, interpretado por Ryan Reynolds, para derrotar um grupo de “malvados classe A”.

Para vencer esses inimigos, cada membro do Esquadrão 6 finge a sua própria morte para se transformarem em “fantasmas” e facilitar o cumprimento da missão. A primeira vítima da lista é Rovach Alimov, um terrível ditador.

O longa é bem ao estilo Michael Bay: A história não importa tanto – os personagens nem possuem nomes – e o que importa mesmo são as cenas de ação desenfreadas – e o estrelismo de Ryan Reynolds.

Com cenas confusas e de ação desenfreada, Esquadrão 6 entrega o que os fãs de Michael Bay querem – e mostra o que acontece quando o diretor tem total controle criativo de uma produção.

Vale a pena ver? Mais uma vez, depende do quão fã de Michael Bay. Se você estiver esperando por uma história mais complexa e criativa, Esquadrão 6 não é para você. Se você quer cenas de ação divertidas, vá em frente.

Esquadrão 6 está disponível na Netflix.