Pode conter spoilers!

A terceira temporada de Stranger Things revelou que os russos abriram portais do outro lado do mundo e também em Hawkins, e a maior questão é como eles sabiam que um portal havia sido aberto anteriormente em Hawkins. Embora muitos fãs acreditem que o Dr. Brenner esteja por trás de tudo isso, outros acham que outra pessoa pode (sem querer) levar os russos ao Hawkins Lab: Murray.

A terceira temporada de Stranger Things foi um grande abalo para os fãs e os personagens, e o final deixou muitas perguntas que serão respondidas na quarta temporada.


No final da terceira temporada, Eleven perdeu seus poderes, Jim Hopper (supostamente) morreu, e os Byers (e Eleven) se mudaram de Hawkins. Além disso, uma cena revelou que os russos ainda estavam experimentando do outro lado do mundo, e eles têm pelo menos um Demogorgon e prisioneiros que estão usando para alimentar a criatura – e, possivelmente, para experimentar também.

O novo querido dos fãs, Alexei, explicou que, como o tecido do espaço-tempo em Hawkins ainda estava se recuperando, era mais vulnerável ao Key Ray e, portanto, eles poderiam abrir outro portal lá. Ainda assim, o maior mistério é como eles descobriram sobre os portais de Hawkins.

Embora seja possível que alguém do Hawkins Lab, como Brenner, trabalhe com os russos esse tempo todo ou que haja um espião no Hawkins relatando tudo para o outro time, uma teoria dos fãs sugere que um personagem que desempenhou um papel importante nas temporadas 2 e 3 é o responsável por levar os russos a Hawkins, embora ele tenha feito isso sem nem mesmo saber: Murray Bauman.

Pesquisa de Murray no Hawkins Lab

Murray Bauman é um investigador particular que apareceu pela primeira vez na segunda temporada de Stranger Things, quando tentou convencer Hopper de que havia uma presença de espiões russos em Hawkins. Murray já havia trabalhado como jornalista investigativo para o Chicago Sun-Times, mas estava muito investido em teorias da conspiração e foi demitido.

Ele então se tornou um investigador particular e foi contratado pelos pais de Barb para investigar o desaparecimento dela, pois a polícia não os ajudou em nada. Foi através dessa investigação que Murray descobriu que havia algo acontecendo em Hawkins, e sua suspeita inicial era de que havia espiões russos na cidade, incluindo uma “garota russa com habilidades psiônicas” (Eleven).

Murray foi procurado por Nancy e Jonathan para ajudá-los a expor o Hawkins Lab e trazer uma conclusão aos pais de Barb no processo. Juntos, eles criaram a verdade de uma maneira que derrubaria o laboratório e não machucaria os pais de Barb (não há como a verdade real fosse fácil de se entender), e enviaram a história ao Chicago Sun-Times, solicitando os militares para fechar o Hawkins Lab.

Graças a isso e porque ele é fluente em russo, Hopper pediu sua ajuda na terceira temporada, onde foi revelado que as suspeitas de Murray estavam corretas e que os russos estavam trabalhando em um laboratório subterrâneo. Como você pode ver, Murray estava muito envolvido em tudo ao redor do Hawkins Lab, e todo o seu trabalho poderia ter dado aos russos as informações necessárias.

Teoria: Murray levou os russos ao Hawkins Lab

Uma teoria postada no Reddit sugere que a pesquisa de Murray poderia ter levado os russos ao Hawkins Lab. O autor explica que, como Murray esteve na área de Chicago durante a primeira temporada, ele poderia estar investigando Kali e sua empresa, mas porque uma gangue de adolescentes criminosos com habilidades especiais era um pouco demais, o Chicago Sun-Times decidiu demiti-lo.

Os russos de alguma forma ouviram sobre isso e decidiram ficar de olho nele e em seu trabalho, pois ele poderia ter algo que eles pudessem usar em proveito próprio. O autor ainda aponta que, na segunda temporada, Owens alertou Nancy e Jonathan para não dizerem nada, para que as informações não chegassem aos soviéticos, o que significa que eles já eram uma ameaça.

Quando Murray começou a investigação preliminar do desaparecimento de Barb, ele descobriu Eleven e seus poderes – e, como ele já havia feito alguma pesquisa sobre a gangue de Kali, isso poderia levá-lo a entender o caso, ao ver a conexão entre eles. Como os russos já o estavam monitorando, eles descobriram tudo sobre Brenner, Eleven e o laboratório, e poderiam até ter se infiltrado no laboratório em algum momento da segunda temporada.

A paranoia de Murray sobre os russos chegando a Hawkins não era tão louca, afinal, e ele tinha bons motivos para ter todas aquelas câmeras de vigilância e sistemas de segurança em sua casa/armazém, porque ele estava realmente sendo monitorado.

Poderia isso significar que Murray é o americano na quarta temporada de Stranger Things?

Outra grande questão que a quarta temporada de Stranger Things terá que responder é quem é o prisioneiro americano. A cena no final da terceira temporada revelou que os russos têm pelo menos um prisioneiro americano em sua base em Kamchatka, e eles o mantêm “seguro” (ele ainda não será o jantar do Demogorgon) por algum motivo.

Naturalmente, já existem muitas teorias sobre quem é o prisioneiro americano, as mais populares são sobre Hopper e Brenner – embora existam algumas que acreditam que poderia ser Billy. Também é possível que o prisioneiro seja outro sujeito de teste do Hawkins Lab, mas há outro candidato para o papel: Murray.

A teoria acima mencionada torna possível que Murray seja o prisioneiro, como ele sabe demais. O autor explica que ele poderia ter sido “apanhado pelos russos” quando voltou ao armazém após a batalha de Starcourt e tudo o que aconteceu na base subterrânea.

Os russos o levariam à base em Kamchatka para interrogá-lo, e é por isso que ele está sendo mantido longe do Demogorgon. Murray teve tempo suficiente para deixar uma mensagem para Joyce em sua secretária eletrônica dizendo que ele encontrou “algo” e teve que conversar com ela pessoalmente, o que não aconteceu quando ele foi sequestrado pelos russos.

Não há dúvida de que Murray é uma grande ameaça para os russos, e não está fora do campo de possibilidade que ele seja o prisioneiro americano (afinal, não está claro se a cena aconteceu ao mesmo tempo que a mudança dos Byers, antes, ou algum tempo depois) e que seu trabalho poderia ter levado os russos a Hawkins sem que ele soubesse. A quarta temporada de Stranger Things pode não chegar tão cedo quanto os fãs gostariam, mas pelo menos há muito tempo para eles revisitarem a série com essa teoria em mente e verem como ela se encaixa.