Astro de Game of Thrones e Aquaman, Jason Momoa é criticado por piada com estupro em vídeo de 2011

Jason Momoa

Em meio a onda de denúncias de assédio sexual contra o produtor Harvey Weinstein e, nos últimos dias, contra o ator Ben Affleck (veja aqui), outro astro de Hollywood passou a ser criticado no Twitter por seu comportamento.

Trata-se de Jason Momoa, conhecido como o Khal Drogo de Game of Thrones e o Aquaman de Liga da Justiça (e do vindouro filme solo do herói). Em um vídeo da Comic-Con 2011, o ator faz uma piada no mínimo infeliz.

“Eu amei trabalhar em Game of Thrones porque pude estuprar lindas mulheres”, diz o ator, se referindo à cena de abuso entre seu personagem e Daenerys (Emilia Clarke).

Os fãs não ficaram felizes com o vídeo ressuscitado pela usuária do Twitter.

“Eu deveria ter adivinhado que Jason Momoa era bonito demais para valer alguma coisa”, escreveu uma.

Jason Momoa f*deu tudo, e de um jeito bem feio. Por que diabos alguém diria isso?”, disse outro.

“Fãs femininas de fantasia para Jason Momoa: Nós queríamos acreditar que você não era o típico homem ruim. Nós realmente queríamos”, escreveu outra.

Jason Momoa era muito bonito e perfeito. Sabia que tinha que ter algo errado com ele. Mas p*rra!”, desabafou outro.

Outro fã disse que estava “riscando” Jason Momoa de sua lista de ídolos:

Liga da Justiça chega aos cinemas em 16 de novembro.