O comediante T.J. Miller, conhecido por seus papéis na série Silicon Valley e em filmes como Cloverfield e Deadpool, onde interpreta o Fuinha, foi denunciado por assédio sexual por uma mulher que escolheu manter seu nome em segredo.

Em entrevista ao Daily Beast, a mulher diz que conheceu Miller na faculdade, e que os dois estavam fazendo sexo (até então consensual) quando o comediante “começou a experimentar várias coisas sem falar comigo antes, e me enforcou para me impedir de gritar”.

“Não devemos sentir pena dele”, diz mulher que acusou Dustin Hoffman


“Eu fiquei olhando para a cara dele com olhos de pânico para ver se ele percebia que eu não estava gostando, mas ele não viu ou ignorou, e continuou fazendo sexo comigo”, relata.

“Nós dois tínhamos bebido bastante naquele dia, mas nada me preparou para aquilo e nem justifica aquilo. Ele me chacoalhou violentamente e foi ficando cada vez mais agressivo, me deu um soco na cara em certo momento – acordei com os lábios sangrando”, conta ainda.

Em 2018, Miller aparecerá nos cinemas na continuação de Deadpool e em Jogador Nº 1, de Steven Spielberg.