O filme True Lies, um clássico de ação protagonizado por Arnold Schwarzenegger, acaba de se tornar parte dos recentes casos de acusações de assédio contra mulheres em Hollywood. A acusação vem da atriz Eliza Dushku, que revelou no Facebook ter sido molestada por Joel Kramer, coordenador de dublês do longa.

O mais impressionante é que Dushku, hoje com 37 anos, sofreu o assédio há 25 anos atrás, quando ainda tinha apenas 12 anos de idade.

“Eu lembro claramente, há 25 anos, como Joel Kramer fez com que eu me sentisse especial, como ele era metódico ao estar perto de mim e dos meus pais, por meses tentando algo comigo; exatamente como ele me levou ao seu quarto de hotel em Miami com a promessa aos meus pais de que ele iria me levar para nadar com o time de dublês e me oferecer o meu primeiro jantar com sushi” escreveu a atriz.

Dushku disse que está somente revelando a história agora graças às recentes denúncias de assédio contra homens de Hollywood. No passado, a atriz revelou ter sido viciada em drogas e álcool.

MAIS NOTÍCIAS SOBRE: CINEMA | FAMOSOS | MÚSICA