A Associação de Imprensa Estrangeira em Hollywood, que concede anualmente o Globo de Ouro, prometeu investigar as acusações de assédio do ator Brendan Fraser contra o jornalista Philip Berk, um dos votantes da premiação.

Fraser reconta um incidente acontecido na festa do Globo de Ouro de 2003, quando Berk atuava como presidente da Associação. Berk não é mais presidente, mas ainda vota na premiação.

Relembre a história completa de Fraser

>> CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

“A Associação é firmemente contra assédio sexual como o descrito nesse artigo. Com o passar dos anos, mantivemos um relacionamento com Brendan, inclusive chamando-o para anunciar vencedores do Globo de Ouro”, escreve a Associação (ao Deadline).

“A reportagem inclui informações que não eram do nosso conhecimento até agora, e vamos imediatamente lançar uma investigação para ir a fundo nesse incidente”, termina.