Mesmo com uma separação aparentemente amigável, o pedido de divórcio de Ben Affleck e Jennifer Garner pode não se concretizar. O motivo seria a demora para a entrega de uma série de documentos para finalizar o pedido.

Segundo o The Blast, a dupla de atores teria recebido um comunicado do Tribunal Superior de Los Angeles avisando que o tribunal pode rejeitar todo o pedido caso ocorra “falha em se tomar as medidas apropriadas para o caso”. O caso então seria rejeitado por atraso no pedido.

Jennifer Garner se perde no mar com filha e precisa ser resgatada

>> CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

A separação do casal se deu em 2016, após os dois passarem uma década casados. A separação foi bastante calma, tanto que Affleck e Garner continuam morando um próximo do outro e criam os seus filhos de forma compartilhada.

Recentemente, Affleck até mesmo começou um novo relacionamento com a produtora de televisão Lindsay Shookus. Nos cinemas, os fãs esperam que o ator volte ao universo da DC no papel de Batman.

LEAVE A REPLY