O ator Henry Thomas, que voltou a fazer sucesso com A Maldição da Residência Hill, já foi conhecido anteriormente por protagonizar E.T. – O Extraterrestre.

No clássico, o ator foi Elliot, que virou o grande amigo do extraterrestre. Agora, em recente entrevista ao MailOnline, o artista revelou que a sua família não imaginava que ele seguiria carreira em Hollywood, mesmo com um papel tão importante na infância.

“Parecia algo inacreditável que eu consegui o papel no filme e parece que meus pais viam dessa maneira. Para eles era um lance de sorte. Eles não queriam se mudar. Eles não queriam mudar nada”, contou o ator.


Henry Thomas acredita que essa relação com os pais pode ter atrapalhado a sua carreira no início.

A Maldição da Residência Hill | Antigos donos da casa onde a série foi gravada revelam que local é assombrado

“Minha mãe não queria aproveitar saindo de casa, ela odiava isso. Então eu senti um pressão por não estar totalmente investindo em mim nesse mundo e ficar nessa vida caseira. Depois, minha mãe se tornou crítica quando eu estava conseguindo papéis menores. ‘Eu não sei porque você não está no pôster, vá falar com as suas pessoas'”, relembrou o protagonista de A Maldição da Residência Hill.

O resultado dessa relação foi uma saída prematura de casa.

“Era conflitante. Mas, quando eu tinha 17, eu parei eles e decidi, ‘Eu vou fazer isso e não preciso ninguém me apoiando ou me segurando’. Eu acho que foi mais traumático para minha mãe do que para mim, ela podia achar que estava me perdendo”, revelou o ator.

No momento, Henry Thomas está ganhando ainda mais visibilidade com A Maldição da Residência Hill. A série já está disponível na Netflix.