O comediante Eddie Murphy era o favorito da Academia para apresentar o Oscar 2019 após a desistência de Kevin Hart, de acordo com o Radar Online.

O site relata que Murphy recebeu uma proposta milionária para ser o apresentador, podendo inclusive usar as cenas da premiação em um dos seus futuros filmes, mas não chegou a um acordo com a Academia.

Treino para o Oscar? Lady Gaga e Bradley Cooper cantam Shallow em show da cantora; veja!


Eddie Murphy teria ficado pouco interessado em apresentar o prêmio por causa da maneira com que Kevin Hart foi afastado, já que também compartilha de um histórico de piadas pesadas e controversas em palcos de comédia.

Vale lembrar que, em 2012, Eddie Murphy quase foi o apresentador do Oscar, mas acabou desistindo na última hora após o produtor e amigo Brett Ratner abandonar o comando da transmissão na TV por polêmicas nos bastidores.

A 91ª edição do Oscar acontece no dia 24 de fevereiro. Após a desistência de Kevin Hart, a cerimônia não contará com um apresentador fixo pela primeira vez em 30 anos.