A cantora Diana Ross resolveu defender o cantor Michael Jackson das acusações feitas pelo documentário Deixando Nerveland, que aborda os possíveis casos de pedofilia nos quais o astro pop teria se envolvido.

Em seu Twitter, Ross escreveu: “Isso é o que estava no meu coração hoje de manhã: Eu acredito e confio que Michael Jackson era uma magnífica força de incentivo para mim e para muitos outros. PAREM COM ISSO, EM NOME DO AMOR”. Confira abaixo.

Deixando Neverland | Barbra Streisand diz acreditar em supostas vítimas de Michael Jackson


O documentário conta a seguinte história: “No auge de seu estrelato, Michael Jackson começou relacionamentos duradouros com dois garotos de 7 e 10 anos e suas famílias. Agora com 30 anos, eles contam a história de como foram abusados ​​sexualmente por Jackson e como chegaram a um acordo para ficarem calados anos depois.”

Ações judiciais movidas por Robson e Safechuck contra Jackson foram rejeitadas por um juiz em Los Angeles em 2017.