Kevin Spacey quer que o processo contra ele, por assédio sexual, seja encerrado após uma suposta atualização do caso. A informação foi divulgada pela mídia norte-americana nesta segunda, 3.

O ator, que estava em House of Cards quando foi acusado por diversos homens do mesmo crime, compareceu de surpresa na corte de Massachusetts, nos EUA. Novamente, alegou ser inocente.

Enquanto isso, os advogados do famoso pediram a anulação do processo. A alegação é que o acusador, filho da jornalista Heather Unruh, tenha apagado mensagens do celular e apenas depois entregado o aparelho para a polícia.


A defesa afirma, então, que as provas foram construídas. Além disso, volta a relatar que os dois “flertaram de maneira consensual”.

Kevin Spacey é acusado de embebedar o filho da jornalista e apalpar o jovem em um restaurante local. O rapaz trabalhava como garçom no estabelecimento.

O ator passará ainda por um julgamento público, que ainda não tem data marcada. Se for declarado culpado, pode pegar até dois anos e meio de prisão.