Juan Pablo Di Pace, de Fuller House, falou abertamente sobre sua sexualidade pela primeira vez publicamente, revelando ser gay em recente TEDx talk (via Pop Culture).

No programa, em que ele falou para um grupo de jovens em Maastricht, Di Pace recordou ser chamado por um nome pejorativo para gays quando jovem, o que o fez esconder a verdade por anos.

“Odiei tanto essa palavra que passei anos me aperfeiçoando para me tornar um ator bem convincente”, disse o ator de Fuller House. “Eu estava desesperado para me encaixar. Eu queria saber como seria fazer parte de uma vida em que todas as pessoas fossem como eu”.


O ator revelou que contou sobre sua sexualidade há mais de 20 anos para seus familiares e amigos, mas que manteve em segredo do público para não prejudicar sua carreira de atuação.

Ao ser escalado como Jesus na minissérie A.D. The Bible Continues, da NBC, ele teve um momento de auto-aceitação.

“Eu fui oferecido um papel decisivo – Jesus Cristo”, disse o ator. “De todas as pessoas do mundo que poderiam interpretar esse papel, eles deram para mim. Então lá estou eu, preso a uma cruz em Marrocos, e eu olho para o céu e penso, ‘Você poderia me atingir com um raio. Você tem certeza que quer que eu interprete seu filho? Eu?”.

“Eu esperei, não fui atingido por um raio”, continuou o ator de Fuller House. “Ao invés disso, o que senti foi uma sensação de amor e aceitação, e liberdade, que eu não poderia colocar em palavras. Uma mensagem de Deus? Talvez”.

Juan Pablo Di Pace interpretou Fernando entre 2016 e 2018 em Fuller House. Em seu próximo projeto ele interpreta Carlos Gardel no filme argentino Gardel, ainda sem previsão de estreia.