Willow Smith nasceu famosa. A jovem é simplesmente filha de Will Smith e Jada Pinkett Smith. Isso pode ter ajudado a garota a entrar cedo para a indústria do entretenimento.

Mesmo com pais reconhecidos pela atuação, Willow preferiu criar o seu próprio caminho para a fama. Apenas com 10 anos, a garota se destacou ao lançar a sua primeira música, Whip My Hair, que logo se tornou um hit.

A jovem continuou a perseguir a carreira na música, mas também se interessou por outras áreas. Não apenas isso, se tornou uma voz ativa para empoderar as pessoas, principalmente jovens garotas, como ela. Essa personalidade, com certeza, fará Willow ser reconhecida por muito tempo.


Mas, como foi o caminho da filha de Will Smith até aqui? Abaixo, confira como a mudança da jovem.

Willow Smith nasceu em 2000, em Los Angeles, nos EUA, e desde sempre foi notícia por conta dos pais. A fama precoce começou a transformar a personalidade da garota.

Em entrevista para People, Willow relatou que foi “terrível” crescer em um ambiente “onde todos acham que sabem algo sobre você”. A jovem artista definiu isso como um cenário tóxico.

“Eu sinto que muitas crianças como eu acabam em depressão e o mundo olha para elas pelos smartphones, rindo, fazendo piadas e memes do efeito que esse estilo de vida tem no psicológico delas”, desabafou a famosa.

Essa vida nos holofotes moldou outro desejo em Willow. Em 2016, para Pharrell Williams, a jovem contou que se vê “nas montanhas, cozinhando esquilos” no futuro. A famosa quer ter mais conexão com a natureza e viver longe da fama.

Ao mesmo tempo, a filha de Will Smith aprendeu que ser da família do astro pode ser uma plataforma para passar mensagens importantes. Foi assim que, também em 2016, a jovem foi eleita uma das embaixadoras da Chanel, com apenas 15 anos.

Willow usou o seu espaço para deixar mensagens positivas para outras jovens. “Eu sei que muitas meninas que se parecem comigo acham que não tem espaço na mídia e não são bonitas. Isso não é verdade. Se você for confiante e se amar, você verá que toda a sua percepção mudará e você enxergará as coisas de outra forma”, declarou a famosa na época.

Recentemente, a jovem voltou a mídia por conta de duas declarações. Primeiro, concordou que sofre com ansiedade, assim como a maioria das pessoas de sua geração. Depois, declarou para o portal Refinery29 que “não é obcecada para casar e ter filhos”. Para Willow, “as regras dos gêneros não permitem que as pessoas tenham o total potencial como seres humanos”.

Esse é apenas mais um traço da personalidade de Willow, que mostra ser uma voz única em Hollywood. Não apenas isso, uma figura solidária.

Em 2017, após furacões terem atingido o Caribe, a jovem, ao lado da mãe, Jada Pinkett Smith, decidiu vender suas roupas para arrecadar dinheiro para as vítimas. Willow vendeu até peças “raras”, como um tênis Adidas da coleção limitada de Rita Ora, para ajudar.

Naquele mesmo ano, Willow, que não pretende desistir da música, lançou o seu mais recente álbum. O The 1st, que foca no amor próprio e na aceitação.

Hoje, a filha do Will Smith está com 18 anos e com certeza, ainda terá muito mais o que dizer. Veja abaixo como Willow era e como a jovem artista está atualmente.