A polêmica em torno de Jeremy Renner (o Gavião Arqueiro da Marvel) e sua ex-mulher, Sonni Pacheco, continua. Desta vez, o ator foi acusado também por sua ex-namorada, Carmen Orford, que deu depoimentos a favor de Pacheco.

Em documentos obtidos pelo jornal Daily Mail, Orford relata que havia cocaína e outras drogas em abundância quando ela esteve presente na casa de Jeremy Renner. Segundo ela, as drogas estavam próximas de Ava, filha de seis anos do astro. Orford também anexou ao processo mensagens de texto trocadas entre ela e Jeremy Renner, que revelam o ator falando sobre fazer o uso de ecstasy.

Também existem outras acusações graves nos novos documentos, que afirmam que Jeremy Renner administrava uma conta pornográfica de Snapchat que envolvia suas namoradas. Ele também é acusado por mais duas mulheres de organizar festas com orgias e drogas, deixando sua filha Ava sem supervisão por horas.


“[Renner] me enviava fotos nu constantemente junto com vídeos dele se tocando. Ele também me mandava vídeos e gifs pornográficos”, afirmou Orford no documento.

No geral, Sonni Pacheco acusa Jeremy Renner de abuso físico e emocional e negligência. Os dois disputam a guarda de sua filha Ava, que tem seis anos de idade.

Veja o pronunciamento de Jeremy Renner sobre o caso.

Jeremy Renner é conhecido por seu papel de Clint Barton/Gavião Arqueiro na Marvel.