A atriz Jane Fonda continua cumprindo sua promessa de protestar toda sexta-feira e desta vez, Joaquin Phoenix, o astro de Coringa, acabou envolvido.

Comprometida a protestar contra as mudanças climáticas toda sexta-feira em Washington, Estados Unidos, a atriz costuma levar celebridades famosas para o evento, onde eles geralmente acabam detidos pela polícia.

Antes de ser preso, o astro de Coringa fez um discurso criticando a indústria de carnes e laticínios.


“Algo que muitas vezes não é mencionado no movimento ambiental é que a indústria de carnes e laticínios é a terceira principal causa da mudança climática. Há coisas que não posso evitar. Voei de avião até aqui ontem à noite, mas uma coisa que posso fazer é mudar meus hábitos alimentares”, disse o astro. 

A prisão de Joaquin Phoenix

Depois de discursar, Joaquin Phoenix, que é vegano, acabou sendo detido pela polícia. O vídeo mostra ele sendo detido e conduzido pelas forças policiais do local.

Além de Joaquin Phoenix, astros como Ted Danson, Rosanna Arquette, Sally Field, e Sam Waterston também acabaram detidos pela polícia durante os protestos realizados ao lado de Jane Fonda.

Joaquin Phoenix é um dos favoritos ao Oscar de Melhor Ator em 2020. O anúncio dos indicados a premiação acontece no dia 13 de janeiro, segunda-feira.