Tom Hardy (Max Mad: Estrada da Fúria) perdeu as estribeiras com um jornalista durante a coletiva de imprensa de seu novo filme, Legend, no Festival de Toronto.

Ele se irritou quando um repórter do Daily Xtra, publicação voltada ao público LGBT, questionou a sexualidade do ator e seu passado “ambíguo”. “Do que diabos você está falando?”, perguntou Hardy.

O jornalista então relembrou uma reportagem de 2008 da revista Attitude, em que Hardy, cotado para ser o novo James Bond, teria admitido experiências homossexuais quando jovem.


“Mas qual é a sua pergunta?”, rebateu o ator. “Quero saber se você acha difícil para celebridades falarem sobre sua sexualidade”, falou o repórter. “Eu não acho difícil. Você está perguntando sobre minha sexualidade?”, indagou Hardy. “Claro”, respondeu o jornalista.

Sem mais paciência, Tom Hardy resolveu cortar o assunto e ignorar o repórter, pedindo para outra pessoa fazer a próxima pergunta. A situação teria deixado constrangidos o diretor Brian Helgeland e a colega de elenco Emily Browning.

Veja o vídeo da “discussão”:

https://www.youtube.com/watch?v=J1PmitYejBM

Tom Hardy leva seu cachorro para pré-estreia do filme; veja

Legend gira em torno dos gêmeos Ronald Kray e Reginald Kray (ambos interpretados por Tom Hardy), gangsters que aterrorizavam Londres na década de 1960. Por trás de inúmeros assaltos à mão armada, ataques e assassinatos, eles ainda eram donos de uma das casas noturnas mais famosas da cidade. Mas os dois tinham um conturbado relacionamento enquanto Reginald buscava tentar controlar as tendências psicóticas de seu irmão.

Tom Hardy aterroriza Londres como gêmeos gângsteres no novo trailer

Emily Browning, Christopher Eccleston, Taron Egerton, Tara Fitzgerald, Chazz Palminteri e David Thewlis completam o elenco.

Dirigido por Brian Helgeland (42: A História de uma Lenda, Devorador de Pecados), Legend estreia em 11 de setembro no Reino Unido. Não há previsão de estreia no Brasil.