Quando X-Men: Apocalipse chegar aos cinemas no próximo ano, virá com um clima de despedida. Em entrevista ao Collider, o roteirista/produtor Simon Kinberg disse que o filme concluirá as histórias do quarteto de protagonistas: Professor Xavier, Magneto, Fera e Mística.

“Ele entrega o mesmo nível de dramaticidade e emoção dos últimos dois filmes. O filme culmina as histórias dos quatro personagens principais e também é um filme maior em termos de escala física, e diria que no lado emocional também, porque é a conclusão da última trilogia”, adiantou.

Tendo em vista as declarações de Kinberg, se supõe que o próximo X-Men pode não trazer de volta os queridos mutantes…


À MTV, Simon Kinberg apontou recentemente as diferenças entre X-Men: Apocalipse e X-Men: Dias de um Futuro Esquecido, afirmando que o novo filme da saga é mais “côsmico”, graças a seu vilão principal.

“Sinto que nós encaminhamos a franquia X-Men um pouco mais para o lado da ficção científica. Em Dias de Um Futuro Esquecido, a viagem no tempo e os Sentinelas nos levaram para um mundo mais vasto do que os filmes anteriores ocuparam. Nós sentimos que os filmes estavam se preparando para algo mais, vamos dizer, cósmico. E assim que decidimos colocar o Apocalipse como vilão do filme, preferimos nos manter fiéis aos quadrinhos, e não fazer apenas mais um vilão com capacete. Por isso, Apocalipse é um cara mais cósmico”, explicou.

O primeiro trailer do novo filme deve ser exibido junto com as cópias de Perdido em Marte, que chega ao Brasil em 1º de outubro, um dia antes de estrear nos EUA. Dirigido por Bryan Singer, X-Men: Apocalipse será lançado em 26 de maio de 2016.

As surpresas do primeiro trailer de X-Men: Apocalipse

X-Men: Apocalipse é a continuação de Dias de um Futuro Esquecido. O filme, que se passará em 1983, mostrará a origem dos mutantes e incluirá novos e antigos personagens na trama.

Roteirista chama vilão de “divindade sobrenatural”

Nos quadrinhos, Apocalipse é presença constante desde que surgiu em X-Factor #6. Considerado o mutante mais velho, surgido no Egito Antigo, o vilão tem o poder de reorganizar a estrutura do próprio corpo – pode, por exemplo, esticar-se ou aumentar de tamanho – e manipular campos de força, elementos e rajadas de energia, entre outras habilidades. Ao ter acesso a tecnologia alienígena, Apocalipse também conseguiu prolongar sua vida por milênios.

Bryan Singer defende visual do vilão Apocalipse e fala sobre Magneto

Tudo sobre X-Men: Apocalipse