A chance de um filme brasileiro concorrer ao Oscar 2016 de melhor longa em língua estrangeira foi descartada nesta sexta-feira (18). A Academia de Artes e Ciências Cinematografias divulgou uma lista 9 filmes que avançaram na disputa, e dentre eles não se encontra o longa Que Horas Ela Volta? estrelado por Regina Casé e dirigido por Anna Muylaert. Os que permanecem na disputa são:

The Brand New Testament (Bélgica), de Jaco Van Dormael
Embrace of the Serpent (Colômbia), de Ciro Guerra
A War (Dinamarca), de Tobias Lindholm
The Fencer (Finlândia) de Klaus Härö
Cinco Graças (França), de Deniz Gamze Ergüven
Labyrinth of Lies (Alemanha), de Giulio Ricciarelli
Son of Saul (Hungria) de László Nemesreland
Viva (Irlanda), de Paddy Breathnach
Theeb (Jordânia), de Naji Abu Nowar

O favorito continua sendo o filme Son of Saul, premiado em Cannes, conta a história de Saul, um judeu que é obrigado a trabalhar para nazistas, limpando as câmaras de gás após a morte de diversas pessoas do seu povo, até que um dia se surpreende ao encontrar o corpo de seu próprio filho. Filho de Saul (como deve se chamar no Brasil) tem feito grande sucesso entre a crítica e chega aos cinemas brasileiros no dia 4 de fevereiro de 2016.


Que Horas Ela Volta? Já teve sua estreia nos cinemas americanos e Regina Casé levou o prêmio de melhor atriz no Festival de Sundance, em janeiro deste ano.