James Gunn, diretor de Guardiões da Galáxia, postou em seu Facebook um tributo a David Bowie, que faleceu aos 69 anos em decorrência de um câncer, e revelou que o cantor estava sendo considerado para atuar em Guardiões da Galáxia 2.

“Bowie era um ídolo para mim, gigante e onipresente. Poucos artistas, de qualquer área, me impressionaram tanto quanto ele. Para mim, Ziggy Stardust é, talvez, o maior disco de rock de todos os tempos”, escreveu o cineasta.

Segundo Gunn, a participação de Bowie em Guardiões da Galáxia 2 já havia sido discutida com o presidente da Marvel.


“Há pouco tempo conversei com Kevin Feige sobre uma participação de Bowie em Guardiões da Galáxia 2. Eu disse a ele que nada nesse mundo me faria mais feliz, mas eu ouvi de amigos em comum que ele não estava bem. Daí depois soubemos que ele estava melhor e que isso poderia acontecer. Quem imaginaria?”.

Confira o nosso tributo a David Bowie

David Bowie chegou a emprestar uma de suas músicas, “Moonage Daydream”, para a trilha sonora do primeiro Guardiões da Galáxia.

Guardiões da Galáxia 2 já iniciou em Atlanta sua massiva pré-produção, que deve durar cinco meses até o início das filmagens em fevereiro de 2016. James Gunn escreveu o roteiro e também retorna para a direção.

Chris Pratt (Peter Quill/Senhor das Estrelas), Zoe Saldana (Gamora), Dave Bautista (Drax), Bradley Cooper (Rocket), Vin Diesel (Groot), Benicio Del Toro (O Colecionador), Michael Rooker (Yondu) e Karen Gillan (Nebula) retornam ao elenco. Guardiões da Galáxia 2 introduzirá ainda Pom Klementieff (remake de Oldboy) como a super-heroína Mantis e Kurt Russell (Velozes e Furiosos 7) pode interpretar o pai de pai de Peter Quill.

Presidente da Marvel sugere que Thanos não estará no filme

Guardians of the Galaxy Vol. 2 tem estreia marcada no Brasil para 27 de abril de 2017.

Sucesso de bilheteria, o longa original arrecadou US$ 774 milhões no ano passado.

Tudo sobre: Guardiões da Galáxia 2