Na edição desta quarta-feira (05) do talk-show Chelsea, a apresentadora Chelsea Handler se sentou com o secretário de energia dos EUA, Ernest Moniz, para falar sobre aquecimento global. No entanto, a conversa mudou de figura.

“Em Stranger Things, eles tem o Departamento de Energia, e eles passam muito tempo investigando universos paralelos. O que você pode me dizer sobre isso?”, brincou a apresentadora.

“Na verdade, nós trabalhamos mesmo com a teoria de universos paralelos. Nós apoiamos ciência básica, e isso inclui tentar entender as partículas da natureza e a estrutura do universo. Dimensões paralelas e universos paralelos absolutamente não estão fora de cogitação”, comentou o secretário.


Assista a entrevista:

Recém-oficializado, o segundo ano de Stranger Things terá nove episódios e será disponibilizado pela Netflix em 2017.

Segunda temporada será ainda mais estranha e sombria, diz criador
Intérprete de Onze raspa a cabeça para a série em vídeo
Criadores falam de possível retorno de personagens mortos
Stranger Things supera Demolidor e House of Cards em audiência

Uma declaração de amor aos clássicos sobrenaturais da década de 80, Stranger Things se passa justamente nessa década, em Hawkins, Indiana, e conta a história da busca por um garoto que desapareceu sem deixar rastros e em circunstâncias suspeitas. Sua mãe (Winona Ryder) pede às autoridades locais o início das investigações do desaparecimento, que vai revelar uma série de mistérios envolvendo experimentos ultrassecretos do governo, forças sobrenaturais aterrorizantes e uma garotinha muito estranha.

Crítica | Stranger Things é um “sessão da tarde” com história eletrizante
Stranger Things | As 15 maiores referências da série a clássicos do cinema
Stranger Things e mais séries de mistério para assistir na Netflix

Os oito episódios da primeira temporada de Stranger Things estão disponíveis desde 15 de julho na Netflix.