O Festival internacional de Cinema de Berlim, também conhecido como Berlinale, é um dos mais importantes festivais de cinema da Europa e do mundo, e alguns filmes brasileiros acabam tendo a honra de ganhar uma seleção uma vez ou outra.

E desta vez o nosso representante será o filme Bixa Travesty, que conta a história da cantora Linn da Quebrada. O filme é dirigido por Kiko Goifman e Claudia Priscilla e integrará a mostra Panorama no Festival.

Quando questionado pelo jornal O Tempo sobre as ambições do Oscar, o diretor Kiko polemizou.


“Não estou nem aí para o Oscar. Pensar no Oscar como o único festival é terrível. Temos importantes festivais na Europa. Eu quero é que se dane o Oscar. Espero que os brasileiros passem a pensar assim”, disse ele.

Kiko falou ainda sobre as abordagens cada vez maiores ao público LGBTQ.

“É um tema que não se esgota e vem sendo retratado em ótimos filmes. O momento anterior era de afirmação, em que era difícil utilizar essa temática. E hoje há vários filmes em que tal discussão é fundamental”, falou.