O ator Alexander Skarsgård conversou com o The Guardian sobre o filme Mute, ficção científica da Netflix dirigida por Duncan Jones (Warcraft).

Segundo o ator, o filme não será exagerado como aparenta ser. “É muito distópico, mas não artificial e exagerado, porque é uma sociedade controlada por corporações. Você se alista a uma corporação e eles te dão tudo – casa, saúde, comida – eles basicamente são donos de você.”

O ator ainda disse que o fato é ainda mais interessante levando em consideração que os Estados Unidos agora tem um empresário como presidente.


Veja o trailer de Mute

A trama de Mute segue Leo Beiler (Alexander Skarsgard), um barman mudo tem uma única razão para viver nesse lugar, mas ela desapareceu. Quando a procura de Leo o leva mais fundo ao submundo da cidade, um estranho par de cirurgiões americanos (Paul Rudd e Justin Theroux) parece ser a única pista recorrente.

A estreia do longa ocorre em 23 de fevereiro.