O documentarista Michael Moore revelou os detalhes sobre seu próximo projeto, intitulado Fahrenheit 11/9, sobre a eleição de Donald Trump como presidente dos EUA em 2016 e suas políticas desde então.

Filho de Donald Trump acusa ator de proteger Harvey Weinstein

O título é uma referência ao filme mais famoso de Moore até hoje, Fahrenteit 11 de Setembro, que analisava os bastidores do ataque terrorista mais infame da história e o papel do então Presidente George W. Bush.


Em aparição no The Late Show ao lado do apresentador Stephen Colbert, Moore ainda revelou uma das peripécias que devem aparecer no documentário, repleto de seu inconfundível humor ácido – ele tentou entrar no clube Mar-a-Lago, onde o presidente costuma passar seus fins de semana.

De acordo com o site de Moore, o novo filme deve chegar aos cinemas em 21 de setembro.