Michael Myers retornou à boa forma com o novo filme de Halloween, que trouxe o cineasta John Carpenter de volta à produção do terror, que ignora todas as continuações após o original.

Em entrevista ao TooFab, Carpenter revelou qual filme da franquia lhe deu a maior sensação de vergonha alheia: Halloween: Ressurreição, de 2000.

“Eu assisti aquele da casa, com todas as câmeras. Ah meu deus. O senhor, meu deus. E aquele cara dando o discurso no final sobre violência. Que diabos é isso? Meu deus. Eu não conseguia acreditar”, detona o diretor.


O filme foi dirigido por Rick Rosenthal, sendo considerado um dos exemplares mais fracos da franquia.

Halloween | Novo filme vai bater a marca de US$100 milhões nos EUA nesta sexta-feira

A nova iteração da franquia Halloween é ambientada 40 anos após o clássico de John Carpenter, trazendo Jamie Lee Curtis, Nick Castle, Judy Greer e Miles Robbins no elenco central.

David Gordon Green dirige o filme e escreve o roteiro ao lado do comediante Danny McBride, além de ter produção do renomado Jason Blum e trilha sonoral original de Carpenter.

Halloween estreia nos cinemas brasileiros em 25 de outubro.