Lançado há cerca de 25 anos, O Estranho Mundo de Jack permanece como uma das animações em stop-motion mais marcantes de todos os tempos e, como tal, instigou interesse de alguns por uma sequência por muitos anos.

Em entrevista ao Hollywood Reporter, o diretor Henry Selick contou que não é contra a ideia de uma continuação produzida pela Disney, mas explicou que a história deve ser nova e original.

“Teria que ser uma história muito diferente: um prelúdio, uma continuação ou alguma perspectiva do vilão”, refletiu. “Nunca seria totalmente contra a ideia se alguém encontrasse uma maneira de torna-la nova e fresca e não como a maioria das sequências, que são basicamente como o original com alguns ajustes leves.”

>> CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

“Não parece valer a pena tentar encontrar a chave mágica para abrir aquela porta novamente, mas nada é impossível”, continuou. “Se alguém fizer isto algum dia, certamente gostaria de assistir à história.”

O Estranho Mundo de Jack | Diretor afirma que “foi obrigado” a tirar uma das piadas de Tim Burton

Selick ainda disse que realmente houve o interesse da Disney em produzir a continuação há alguns anos, mas nem ele nem Tim Burton estavam interessados.

“Fui abordado muitas vezes como um canal para Tim, mas muitas vezes me diziam que não poderia ser em stop-motion e que teria que ser em CG, porque era o que todos queriam. Então eu respondia que nem diria nada ao Tim porque sabia que nenhum de nós gostaria disso”, explicou. “O mais importante sobre o stop-motion é que ele nunca envelhece, porque já é muito velho. Acho que um bom stop-motion tem uma vida útil muito longa.”

Com direção de Henry Selick e produção de Tim Burton, O Estranho Mundo de Jack estreou em 1993. A história gira em torno de Jack, uma figura esquelética da Cidade do Halloween que procura mudança após se cansar de comemorar o Dia das Bruxas todos os anos e acaba encontrando a Cidade do Natal.