Vingadores: Guerra Infinita teve diferentes rascunhos e quase chegou de outra forma aos cinemas. É isso que afirmaram os diretores Joe e Anthony Russo.

Com o lançamento do livro The Art of Avengers: Infinity War, que traz os bastidores do longa, foi descoberto que uma dessas versões daria mais destaque ao Máquina de Combate, vivido por Don Cheadle. Conforme o ilustrador da Marvel, Phil Saunders, o coronel James Rhodes quase usou duas armaduras no filme e quase teve uma participação maior.

“Originalmente, Rhodes teria duas armaduras no filme. Uma delas ficaria limitada, então ele misturaria os melhores elementos de outros trajes para fazer um novo. Nós realmente quisemos dar a ele um visual mais avançado para que ele parecesse um pouco mais com a Mark 47 e o Mark 50, do Homem de Ferro. Então, nós fizemos algo mais sofisticado e mudamos a linguagem. Também colocamos mais armamento do que ele tinha antes”, disse o artista.

>> CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

Vingadores: Guerra Infinita | Loki teve destino diferente em outra versão de roteiro

O Máquina de Combate deve voltar em Vingadores 4.

A continuação de Guerra Infinita deve mostrar o embate final entre Thanos e os Vingadores. A Capitã Marvel e o Homem-Formiga devem se unir à super-equipe na história.

Vingadores 4 chega aos cinemas no dia 2 de maio de 2019. Vingadores: Guerra Infinita já está disponível em home video.