Extremely Wicked, Shockingly Evil and Vile traz o assassino Ted Bundy sendo interpretado por Zac Efron. O diretor Joe Berlinger revelou que o ator sempre foi a primeira escolha para o papel.

Em entrevista ao TMZ, o cineasta foi questionado se pensou em diferentes opções para o filme. No entanto, Joe Berlinger sempre teve certeza sobre o que queria para Extremely Wicked, Shockingly Evil and Vile.

“Zac sempre foi a minha primeira escolha. Eu pedi para ele, ele disse sim e eu fiquei encantado. Em primeiro lugar, eu nunca teria contratado ele, se não fosse um ator fantástico. Todas as críticas estão dizendo que é um papel que muda a carreira dele, então do ponto de vista de atuação, ele mereceu. Mas, Bundy operava atraindo as vítimas por ele ser bonito e charmoso. Então, quem melhor para encorporar e retratar essa dinâmica?”, explicou o diretor.


Extremely Wicked, Shockingly Evil, and Vile | Filme de serial killer com Zac Efron é adquirido pela Netflix

Ted Bundy era conhecido pela violência de seus atos, chegando a cometer necrofilia com os corpos de suas vítimas.

Extremely Wicked, Shockingly Evil and Vile conta a história do assassino sobre a perspectiva de sua namorada, vivida por Kaya Scoledario.

O elenco do filme é composto também por Lily Collins, Haley Joel Osment, John Malkovich e Jim Parsons.

Escrito por Michael Werwie e dirigido por Brandon Trost, Extremely Wicked, Shockingly Evil, and Vile ainda não tem data de lançamento oficial. É esperado que a Netflix disponibilize o longa a partir do segundo semestre.