O filme Marighella, o primeiro de Wagner Moura como diretor, estreou no Festival de Berlim na quinta-feira, dia 14, e teve uma recepção calorosa do público.

Marighella | Wagner Moura revela que Mano Brown foi a primeira escolha para o protagonista

De acordo com o site Folha de São Paulo, o longa-metragem estreou sob aplausos em sua sessão de imprensa. Vale lembrar, no entanto, que Marighella faz parte da programação principal do Festival, mas não concorre ao Urso de Ouro.


Ainda segundo o site, o filme tem duração de 155 minutos e exibe um pequeno resumo do que foi a ditadura brasileira e a tortura contra os militantes. O longa-metragem foca na relação de Marighella (Seu Jorge) com seu filho Carlinhos enquanto ele é perseguido por um policial interpretado por Bruno Gagliasso, inspirado no delegado Sérgio Paranhos Fleury, que orquestrou a captura de Marighella.

Marighella é uma cinebiografia do político Carlos Marighella, que ficou conhecido como um opositor das ditaduras de Getúlio Vargas, na década de 30, e na Ditadura Militar, de 1964 a 1985.

Apesar de ser exibido em Berlim, o filme ainda não tem previsão de estreia no Brasil.