Anunciado há meses, Spawn ainda está longe de ser um projeto concreto.

Em entrevista com o Comic Book, o produtor e diretor Todd McFarlane, que também criou o personagem nos quadrinhos, contou que o roteiro do longa-metragem ainda precisa de ajustes. Até o momento, nenhum estúdio se interessou a adquirir os direitos de distribuição, para parece que isto não é problema para McFarlane.

“Tenho que fazer alguns ajustes neste roteiro agora. Assim que acabarmos, vamos a todo vapor. Tenho pessoas financeiras esperando nos bastidores, então se os estúdios decidirem que vão hesitar, simplesmente vamos usar dinheiro externo.”

>> CONTINUA APÓS PUBLICIDADE

McFarlane explica que é importante encontrar um estúdio que realmente goste do personagem. “Realmente queremos fazer esta produção. Depende de como nos combinaremos com um estúdio no momento em que fizermos. Escolhemos três estúdios. Sony, Universal e Paramount. Não têm nada de Marvel e DC. Mesmo que todos tenham interesse ao mesmo tempo, temos que perguntar que tipo de campanha de marketing estão dispostos a fazer.”

Spawn | Diretor descarta alívios cômicos no reboot: “Serão duas horas feias e sombrias”

Spawn conta a história de Al Newman, agente da CIA que é traído duas vezes – na primeira é deixado para morrer por parceiros; na segunda, é convencido no inferno a se tornar um soldado demoníaco para rever sua esposa na superfície.

Ao voltar para a Terra, no entanto, ele descobre que a mulher superou sua morte da forma mais radical possível: se casando com o seu melhor amigo. Enfurecido e amargo, Spawn segue cumprindo sua missão de despachar os piores habitantes da cidade onde um dia viveu para o inferno.

Até o momento, Jeremy Renner e Jamie Foxx estão escalados para o filme. O longa ainda não tem data de estreia.