Estrelado por Liam Neeson, Vingança a Sangue-Frio teve sua estreia adiada no Brasil.

O anúncio acontece poucos dias após a polêmica entrevista em que Neeson admite que teve vontade de matar um homem negro inocente após descobrir que uma de suas amigas foi estuprada. Nas redes sociais, o ator foi duramente criticado por internautas e outras celebridades, que chegaram a prometer um boicote.

Em um comunicado à imprensa, a Paris Filmes menciona que a polêmica de Neeson realmente influenciou no adiamento do longa-metragem. Além disto, aponta que a concorrência com outros lançamentos também pesou na decisão.


Vingança a Sangue-Frio seria lançado na próxima quinta-feira (14). Agora, só chegará aos cinemas em 14 de março.

Vingança a Sangue-Frio | Filme é uma das piores estreias da carreira de Liam Neeson

Remake do filme norueguês O Cidadão do Ano (2014), Vingança a Sangue-Frio é mais um dos filmes de ação inusitados com Liam Neeson. O filme é dirigido por Hans Petter Moland e roteirizado por Frank Baldwin.

Em Vingança a Sangue-Frio, Liam Neeson interpreta Nels Coxman, um operador de limpa-neves que foi nomeado Cidadão do Ano em uma pequena cidade do Colorado por ter mantido, praticamente sozinho, todas as estradas abertas durante um inverno rigoroso.

Porém, essa vida pacata de Nels Coxman sofre uma reviravolta quando descobre que seu filho foi injustamente assassinado por um traficante local. Colocando a justiça em suas próprias mãos, Coxman usa todos os recursos que encontra, incluindo o limpa-neves, para buscar vingança.

Nessa jornada, o protagonista também consegue iniciar uma guerra de gangues que ameaça dizimar toda a cidade.

A parceria anterior entre Liam Neeson e a Lionsgate rendeu o elogiado O Passageiro que estreou neste ano nos cinemas.