O romance Ammonite, que será estrelado por Kate Winslet e Saoirse Ronan, sofreu várias críticas da família da paleontóloga Mary Anning. 

Blackbird | Mansão de Kate Winslet será cenário para filme da atriz com Diane Keaton e Mia Wasikowska.

De acordo com um artigo do site The Telegraph, alguns familiares de Anning reclamaram da decisão do diretor Francis Lee em criar uma relação homossexual fictícia entre as personagens de Kate e Saoirse, já que a sexualidade da profissional nunca foi confirmada. 


Em seu Twitter, no domingo, dia 18, Francis resolveu fazer um desabafo, defendendo sua visão do filme: “Depois de ver a história homossexual ser repassada como hétero na cultura e ver que me foi dado uma figura que nunca teve nenhuma relação, aparentemente, heterossexual, não é possível ver a pessoa em outro contexto?”

“Particularmente uma mulher cuja a vida e trabalho foram manchados com os piores aspectos do patriarcado, discriminação de classe e gênero?,” ele continua. 

Por fim, Francis deixa claro que a produção de Ammonite ainda nem começou e pede que todos esperem a conclusão de seu trabalho para julgá-lo.

Confira, mais abaixo! 

A história se passará em 1820, no Reino Unido. A trama acompanhará o romance entre a paleontóloga Mary Anning e uma mulher de Londres, para quem ela se transforma em uma enfermeira.

A produção do filme ficará por conta de Iain Canning e Emile Sherman, de As Viúvas, e Fodhla Cronin O’Reilly, de O Discurso do Rei. O longa será mais um drama de época. 

As gravações estão previstas para março de 2019. Ammonite ainda não tem data de estreia.