Mesmo tendo liderado seu fim de semana de estreia nos Estados Unidos, o live-action de Dumbo pode gerar prejuízos para a Disney.

Segundo dados da Variety, a abertura de US$ 45 milhões nos cinemas norte-americanos não deve agradar o estúdio, uma vez que o orçamento do longa foi de US$ 170 milhões, sem considerar os gastos com marketing.

Além disso, o filme ficou abaixo do esperado em sua arrecadação mundial, com a Disney esperando um valor de US$ 130 milhões, enquanto o filme arrecadou apenas US$ 116 milhões.


Dumbo não deve ter problemas em se pagar, mas não deve gerar o lucro esperado pelo estúdio e assim se configurar como um fracasso de bilheteria para a Disney.

No filme original de 1941, acompanhávamos o elefante orelhudo Dumbo, que sofria preconceito por conta de sua aparência até descobrir que suas enormes orelhas o permitiam voar.

Tim Burton (Edward Mãos de Tesoura) cuida da direção e Ehren Kruger (Transformers: O Lado Oculto da Lua) escreve a nova versão, que reuniu um elenco de peso: Eva Green, Colin Farrell, Michael Keaton, Danny DeVito e Eva Green.

Dumbo já está nos cinemas.