Operação Fronteira é o mais recente filme original da Netflix, tendo estreado no serviço de streaming na última quarta-feira (13).

Curiosamente, ainda que o filme termine com a morte do personagem de Ben Affleck, o filme traz um pequeno gancho para uma continuação. Na cena final, Ironhead (Pedro Pascal) entrega um papel a Pope (Oscar Isaac) com as coordenadas onde o restante do dinheiro perdido ficou escondido, e os créditos começam.

Um possível Operação Fronteira 2 definitivamente partiria para uma nova missão, reunindo uma equipe mais poderosas para encontrar o restante do dinheiro.


Porém, Isaac disse ao Digital Spy que o final em aberto é apenas uma característica do trabalho do diretor J.C. Chandor, mas não descarta a ideia de uma continuação.

“Eu acho que os filmes dele – no geral – parecem uma fatia da vida, mesmo sendo tão louco quanto esse filme. Você entra na história, e ela já está acontecendo quando entramos, e vai continuar depois do filme”, explica.

“Mas se todos ao redor do mundo assistirem e a Netflix quiser fazer outro, aí é outra história”, sonha Isaac.

Operação Fronteira | Oscar Isaac comenta sobre possibilidade de sequência

Operação Fronteira conta a história de um grupo de ex-militares que querem assaltar o cartel mais perigoso do mundo para benefício próprio. O objetivo é levar para casa a quantia de US$ 75 milhões.

Além de Ben Affleck e Oscar Isaac, o elenco ainda conta com Charlie Hunnam, Garrett Hedlund e Pedro Pascal. A direção é de J.C. Chandor (O Ano Mais Violento).

Operação Fronteira está disponível na Netflix.