O The Hollywood Reporter afirmou que a Disney está revendo os projetos que estavam sob a produção da Fox. Um deles é Amor, Sublime Amor, remake comandado por Steven Spielberg.

O site afirma que o executivo Alan Horn está preocupado sobre jovens consumindo cigarros em um filme que levará o selo da Disney. Como se sabe, a casa do Mickey Mouse tem regras próprias quanto aos limites do que pode ser exibido em seus longas.

Uma solução para o caso não teria sido informada ainda. Porém, em uma antiga entrevista, o próprio Horn sugeriu em continuar usando a bandeira da Fox, principalmente para filmes que não estão dentro dos limites da Disney.


“Com a Fox, nós podemos fazer filmes que eu geralmente diria não. Nós temos coisas a pensar, como a política sobre cigarros. O público da Disney pode não saber o que verá, mas sabe o que não verá nos nossos filmes. Tem coisas que não podemos mostrar porque vamos acabar recebendo algumas cartas”, declarou o executivo.

Assim, a Disney teria uma escolha a fazer. Lançar com o selo da Fox ou eliminar os cigarros, já fazendo uma mudança em relação ao longa original.

O elenco principal do remake é formado por Ansel Elgort (Tony), Rachel Zegler (Maria),Rita Moreno (Valentina), Ariana DeBose (Anita), David Alvarez (Bernardo), Josh Andrés Rivera (Chino), Corey Stoll (Lieutenant Schrank) e Brian d’Arcy James (Sargento Krupke).

Amor, Sublime Amor é uma refilmagem do clássico musical de 1961 de Jerome Robbins e Robert Wise, que adapta o conto de Romeu & Julieta para as ruas de Nova York e gangues rivais. John Williams fará a música do novo filme.

O filme original venceu nada menos que 10 Oscar, incluindo Melhor Filme, Melhor Direção e Melhor Ator/Atriz Coadjuvante.

Steven Spielberg é o diretor do remake. As gravações devem começar na metade do ano.

O remake ainda não tem previsão de estreia.