A história de J.R.R. Tolkien será finalmente contada nos cinemas através do filme Tolkien. Agora, oa tor Nicholas Hoult, que vive o criador de O Senhor dos Anéis no filme, disse por que essa não é uma cinebiografia típica.

Acho que o filme é baseado o suficiente em verdades e fatos do que sabemos de sua vida”, disse o ator ao Digital Spu.

“Mas, ao mesmo tempo, é uma experiência cinematográfica, visto que na Primeira Guerra ele sofreu febre de trincheira, então transformamos isso num mundo fantástico em que ele está nas trincheiras, experimentando esse terror, mas sua imaginação está pregando peças nele. Ele começa a imaginar coisas do livro. Há uma reviravolta legal nesse filme, não é uma cinebiografia típica”, continuou o ator.


O diretor finlandês Dome Kakuroski, que recentemente comandou outra biografia de um artista importante, o ilustrador Tom of Finland, comanda o novo projeto.

Nascido em 1892 e veterano da Primeira Guerra Mundial, Tolkien publicou seu primeiro livro passado na Terra Média, O Hobbit, depois de ter passado dos 40 anos. O autor foi um estudioso da linguística e da teologia, e faleceu em 1973, aos 81 anos.

Tolkien chega aos cinemas em 23 de maio de 2019.