Lars Klevberg entregou uma nova abordagem sobre Chucky no remake de O Brinquedo Assassino.

O filme mal estreou, mas obviamente já queremos saber sobre uma possível continuação.

“Nunca indicamos qualquer detalhe de plano sobre para onde gostaríamos de ir como uma franquia. Mas sim, para mim, acho que eu amaria o conceito de Buddi Bear”.


“Eu amo as outras coisas, acho que deveríamos investir – se isso acontecer – mais tempo com essas coisas”, continuou o diretor. “Acho que foi pouco mostrado nesse filme, o que os Buddi Bears são e o que são capazes de fazer”.

Chucky reaparece como um boneco robótico no novo filme, que é possuído por um espírito. O personagem entrará na vida de Andy (Gabriel Bateman) quando Karen (Aubrey Plaza) presentear o filho, acreditando que está dando uma “companhia” para o garoto.

O elenco traz ainda Beatrice Kitsos, Ty Consiglio e Brian Tyree Henry.

A direção é de Lars Klevberg.

O reboot de Brinquedo Assassino chega ao Brasil apenas em 22 de agosto.