Já que o Homem-Aranha precisa se encaixar no plano geral da Marvel, o diretor de Homem-Aranha: Longe de Casa, Jon Watts, teve que garantir que sua história se encaixasse com o que Kevin Feige quer para o futuro.

Embora alguns cineastas não gostem desse tipo de restrição, Watts enxerga como um desafio, e é justamente por causa disso que gosta tanto de trabalhar com a Marvel.

“É divertido, porque então se torna um desafio criativo”, disse o diretor de Homem-Aranha: Longe de Casa ao Screen Rant.


“Eu me lembro da primeira vez que obtive o download de tudo o que aconteceria em Guerra Infinita e Ultimato. Você está sentado lá ouvindo e balançando a cabeça, e então descobre que todos desaparecem da existência e voltam, que Tony Stark morre, que o Capitão América retorna idoso. Fiquei me perguntando: como vou lidar com todas essas coisas?”

Homem-Aranha: Longe de Casa estreia em 4 de julho no Brasil.