Anthony Russo, co-diretor de Vingadores: Ultimato, reafirmou para a MTV, após o MTV Movie & TV Awards, na noite de segunda, 17, o desejo de ter mais um filme do Capitão América. Porém, grandes detalhes não foram revelados.

Um dos rumores é de que há um filme secreto do Capitão América. Conforme os boatos, o longa mostraria como foi a vida de Steve Rogers com Peggy Carter após os eventos de Vingadores: Ultimato. Mas, o Russo não quis contar nada.

“Eu não posso (falar sobre a ideia)”, respondeu o diretor.


O cineasta ainda explicou qual era o objetivo de Vingadores: Ultimato, dando a entender que nada, de fato, foi feito pensando em futuros projetos.

“Quando fizemos esse filme, uma das coisas particulares, é que em Vingadores: Ultimato nós nunca pensamos sobre o futuro. Nosso objetivo era apenas levar a história, essa jornada de 11 anos, para um final satisfatório”, explicou o Russo.

O co-diretor do filme também aproveitou para falar sobre a disputa com Avatar na bilheteria mundial. Vingadores: Ultimato está a US$ 46 milhões de passar o rival, que tem US$ 2,788 bilhões, e se tornar a maior arrecadação da história.

“Olhe, eu sei que parece muito sensacional, mas eu tento não focar nisso porque mesmo que a gente não passe Avatar, eu não me arrependo de nada”, destacou o cineasta.

Vingadores: Ultimato está em exibição nos cinemas.