O filme de origem do Coringa certamente não será para todos. O astro Joaquin Phoenix já está alertando de antemão, e foi justamente isso que o atraiu no projeto audacioso da DC.

Em entrevista para a Total Film, Phoenix disse que o filme foi desafiador, e que provocará reações diversas no público.

“Todos nós somos culpados. Todos nós pecamos. E eu pensei, temos aqui esse filme, com esses personagens, onde não será fácil pra você como público”, explica Phoenix.


“Haverá horas onde você se sentirá conectado com ele, e vai torcer por ele, e outras em que você deve sentir repulsa dele. E eu gosto da ideia de desafiar o público, e de desafiar a eu mesmo por interpretar um personagem assim. É raro explorar isso em qualquer filme, mas especificamente no gênero de super-heróis”, elabora o ator.

Protagonizado por Joaquin Phoenix, o filme do Coringa, da DC, tem ainda no elenco Robert De Niro, Bill Camp (Operação Red Sparrow, A Grande Jogada), Frances Conroy (American Horror Story, Castle Rock), Brett Cullen (42, Narcos), Glenn Fleshler (Billions, Barry), Douglas Hodge (Operação Red Sparrow, Penny Dreadful), Marc Maron (Maron, GLOW), Josh Pais (Motherless Brooklyn, Going in Style), e Shea Whigham (O Primeiro Homem, Kong: A Ilha da Caveira).

Todd Phillips (Se Beber, Não Case!) dirige o filme e também assina o roteiro ao lado de Scott Silver (O Vencedor). A produção ainda conta com o astro Bradley Cooper.

Coringa estreia no nos cinemas brasileiros em 3 de outubro.