Vingadores: Ultimato introduziu o Hulk Inteligente ao Universo Cinematográfico da Marvel, mas foi uma mudança de planos. A versão consciente do Gigante Esmeralda apareceria no final de Vingadores: Guerra Infinita, mas foi empurrado para o salto temporal de 5 anos da continuação.

Durante entrevista para a WIRED, os diretores Anthony e Joe Russo falaram sobre como Bruce Banner e o Hulk se juntaram nesse intervalo de tempo – algo que definitivamente teria sido interessante de se ver nas telas.

“Queríamos acompanhar como cada um dos Vingadores estava superando a experiência de Guerra Infinita. Banner é deixado com essa realidade em que nenhuma versão de si mesmo pôde impedir Thanos. Então ele se dedica a certificar-se de que isso nunca aconteça novamente. E isso é meio que uma motivação apropriada para ele finalmente descobrir como reconciliar esses dois lados de si mesmo”, explica Anthony Russo.


Vingadores: Ultimato já está disponível em plataformas digitais, assim como mídias de DVD e Blu-ray.