Pouco menos de um ano antes de Tenet de Christopher Nolan chegar aos cinemas em 17 de julho de 2020, um teaser foi lançado durante as exibições de Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw nos cinemas nesta semana.

Em vez de responder a algumas perguntas sobre o projeto secreto de Nolan, o vídeo só levantou mais questões e teorias – incluindo uma que diz que se trata de uma continuação de A Origem.

De todas as descrições do teaser, não há muito o que trabalhar em termos de detalhes. Os títulos no teaser anunciam que “chegou a hora de um novo protagonista” e “chegou a hora de uma nova missão” antes de mostrar o ator John David Washington, que “se move em retrocesso numa espécie de loop”.


O teaser e a descrição oficial de Tenet – “um épico de ação envolvendo o mundo da espionagem internacional” -, juntos da ausência de outros detalhes, estão fazendo os fãs criarem uma conexão com A Origem.

A Origem acompanhou Dominick “Dom” Cobb (Leonardo DiCaprio) e sua equipe usando tecnologia militar experimental para entrar no subconsciente de alvos para extrair informações valiosas de um mundo de sonhos em um ato de espionagem corporativa.

No longa, Cobb também está fugindo de uma acusação de homicídio nos Estados Unidos devido ao suicídio de sua esposa, com seus filhos sendo deixados aos cuidados de seu sogro (interpretado por Michael Caine). No final, aparentemente com o sucesso numa grande missão para um empresário japonês, ele é capaz de voltar para casa para seus filhos, mas não fica claro se isso é real ou um sonho.

Com Tenet, porém, os fãs acreditam que o final de A Origem foi real e agora poderemos ver a história dessas crianças, continuando esse universo e cenário, enquanto também permite a exploração de novos temas e novas histórias.

Como o Hollywood Reporter especulou, Tenet poderia revelar que a tecnologia dos sonhos desenvolvida para os militares em A Origem foi ainda mais longe, ou se tornou algo ainda mais perigoso, desta vez permitindo que missões de espionagem não funcionassem no reino dos sonhos, mas no reino do tempo.

Talvez os eventos de A Origem tiveram consequências terríveis e imprevistas, levando a próxima geração a lidar com essas coisas. A ideia de lidar com a próxima geração também é intrigante, já que Nolan mudou o foco das coisas em Interestelar, por exemplo, que mudou de ser a história do protagonista “mais velho” para um foco nas gerações mais jovens sendo os “heróis”.

Em Interstelar especificamente, Murphy Cooper, não seu pai viajando no espaço, que finalmente salvou a humanidade.

Também é possível que Tenet esteja totalmente desconectado de A Origem, já que uma das coisas que torna este último tão fascinante é o final ambíguo, enquanto os fãs decidem por si mesmos se o retorno de Dom para sua família é real ou um sonho.

Com John David Washington e Robert Pattinson como protagonistas, Tenet estreia em 17 de julho de 2020.