O documentário Deixando Neverland, da HBO, que mostra os relatos de jovens que dizem terem sido vítimas de abusos sexuais de Michael Jackson, continua causando polêmica.

Em entrevista ao The Guardian, o ator Kieran Culkin, irmão de Macauley Culkin – o astro de Esqueceram de Mim – disse que qualquer comentário feito por ele causaria mais mal do que bem à todos os envolvidos.

“Para mim, há dois lados nessa história e sinto que não posso ajudar nenhum dos dois, então tudo o que eu disser pode machucar alguém, e já há magóa o suficiente”, disse Kieran Culkin.


“Muita gente já está em uma posição difícil, e se eu contribuir de qualquer forma, só vou acabar machucando alguém, porque eu não posso ajudar de verdade”.

Tanto Kieran quanto Macaulay Culkin nutriram uma grande amizade com Michael Jackson na infância.

Macaulay Culkin chegou inclusive a defender Michael Jackson de acusações de abuso, dando depoimentos à seu favor em 2005.